Fotografia com Teleobjetivas

27-04-2016 21:41

    A fotografia com teleobjetivas não é muito usada pelo Clube de Fotografia, uma vez que existe unicamente uma lente com focal fixa de 100 mm. Contudo, nesta 

sessão os elementos do Clube experimentaram a utilização de um zoom (55 mm- 200 mm) que consegue uma aproximação muito apreciável dos motivos fotográficos sem que quem está a tirar a fotografia se aproxime muito e por isso não existe muita perturbação p.e de um inseto ou de uma ave. O objetivo principal foi então fotografar aves e insetos, tarefa nada fácil. Senão vejamos:

- As aves não permitem uma aproximação razoável e estão em constante movimento;

- Os insetos (abelhas e borboletas) já permitem uma maior aproximação, contudo é necessário, mesmo assim fazer alguma aproximação;

- A rapidez da focagem é essencial, tarefa que mesmo com o autofocos, nem sempre é conseguida, permitindo que "aquele" momento do disparo "fuja". 

- Existem sempre imensas folhas, ramos e obstáculos, que dificultam a tirada fotográfica.

    Por isso, aquilo que é necessário, para além de ter em atenção a posição da luz, a escolha de um ISO adequado para congelar o movimento, é ser paciente e saber esperar pelo "momento certo". 

    Assim, podem ver o resultado desta sessão com algumas fotografias de aves e a melhor, a da borboleta. Os elementos do clube que participaram nesta sessão estão de parabéns!.

    Agora, as fotografias da Franscisca Gomes que foi a casa do sua avó e fotografou as suas flores. Incentivam-se todos os alunos que participam no Clube de Fotografia a tirar fotografias, a fazer a seleção e  a partilhá-las com o Clube de Fotografia.

 

Voltar

Procurar no site

Clube de Fotografia © 2018 Todos os direitos reservados.